AI-5 e o jornalismo local

como o jornal “O Comércio” retratou o decreto

  • Marielli Barato

Resumo

A Ditadura Militar no Brasil (1964-1985) foi um período em que o país viveu um processo de intensa influência do militarismo em diversos aspectos da sociedadecivil. O endurecimento do regime aconteceu em 1968, quando o General Costa e Silva instaurou o Ato Institucional Nº 5, um conjunto de medidas que, especificamente em relação à imprensa, foi extremamente nociva. A imprensa teve uma atuação importante nesses anos, seja combatendo o sistema vigente e, muitas vezes, cedendo às pressões políticas da censura instaurada pelos militares. Esse assunto de âmbito nacional teve os seus desdobramentos em outros estados, como o Paraná. Durante as décadas de 1960 e 1970, o jornal “O Comércio”, de União da Vitória/PR, era o principal meio de comunicação, sendo semanal e com notícias do mundo, do Brasil e locais. É nesse contexto que o trabalho pesquisou como o periódico retratou a instauração do AI-5. Foram utilizadas como fonte de pesquisa as edições originais do jornal, além de pesquisa bibliográfica como suporte teórico para atingir os objetivos do estudo.
Publicado
2018-12-03
Como Citar
BARATO, Marielli. AI-5 e o jornalismo local. Pós em Revista, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 24, dez. 2018. ISSN 2595-914X. Disponível em: <https://periodicos.uniuv.edu.br/posemrevista/article/view/409>. Acesso em: 15 out. 2019.
Seção
Artigos